• Arianne Fontainha

Mude o seu mundo!


Olá, POVO DE LUZ!!

Atenção, atenção!!

AQUILO QUE VOCÊ FOCA EXPANDE!

Sim! Você já deve ter ouvido isso e talvez nem tenha ligado muito, mas o fato é, se você foca no que te “empurra” pra baixo, a tendência é que isso aumente.

Nós somos culturalmente ensinados a lutar contra o negativo. Quantas vezes ouvimos/falamos coisas do tipo:

Não quero ser pobre.

Não quero ser gorda(o).

Não quero sofrer.

Não quero ser infeliz.

Não quero mais esse relacionamento.

Não quero ter esse cabelo/corpo/nariz.

Acredite, pensando dessa forma não atraímos nada de positivo. Fazemos declarações/afirmações negativas em uma frequência exagerada.

Quanto mais você pensa no que NÃO quer, mais disso você atrai.

Busque focar no que realmente busca e em como realmente quer se sentir.

Pare de dizer “eu odeio meu emprego”, tente algo como “estou aberta(o) para aceitar uma nova proposta de trabalho”. Percebe como a carga energética é bem mais leve desse jeito?

Vamos a um exemplo clássico, quando estou em uma dieta mais restritiva, quanto mais penso “não posso comer brigadeiro, não posso comer brigadeiro de jeito nenhum”, adivinha o que acontece? Minha vontade de comer brigadeiro aumenta de forma avassaladora!

Crie uma nova perspectiva do seu mundo, deixe-o mais leve, com uma carga mais branda.

E eu sugiro um exercício mega simples para isso. Para cada pensamento/afirmação negativo, crie um positivo. Vamos lá?

Anote em caderno, as afirmações negativas que você costuma fazer (mesmo que de brincadeira) e as substitua por uma afirmação positiva:


Não quero ser gorda(o) – Estou mais magro.

Não quero ser pobre – Sou próspera(o).

Não quero ser infeliz – Vivo cheio de amor e carinho.

Não quero ficar doente – Vivo cheia(o) de saúde.

Não gosto o meu trabalho – Estou aberta(o) à novas possibilidades.

Não quero ficar doente – Vivo cheia(o) de saúde.


Faça sempre afirmações positivas sobre como quer que sua vida esteja no presente.

Nosso subconsciente é muito poderoso e obediente, então, quando usamos o tempo futuro - como “serei”, “terei” - é lá que o desejo ficará.

Comece aos poucos, e sempre que se pegar pensando no negativo, seja legal com você, corrija-se.


Isso é treinamento na caminhada do autoconhecimento. Pratique!

“Nós somos o que fazemos repetidamente, a excelência não é um feito, e sim, um hábito.”

Aristóteles

Em amor,

Ári.








7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo